Vacas recuperadas para a próxima estação

Planejamento nutricional no período das águas garante boa recuperação das vacas e índices zootécnicos mais eficientes na próxima estação de monta
Share on whatsapp
Compartilhe no WhatsApp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on email
Share on telegram
Vacas recuperadas para a próxima estação
Adoção de estratégia permite a sincronização do período de alto requerimento nutricional com a época de maior disponibilidade de forragens – Foto: Divulgação/Connan
Áudio

O período das águas, como são conhecidos os meses do ano que concentram o maior volume de chuvas em boa parte do país, é a época em que os pecuaristas se prepararam para dar início a uma etapa importante do calendário produtivo da propriedade: a estação de monta.

Um programa ambicioso de produção animal se inicia nesta fase, por isso é importante que o pecuarista trate esse momento com muita atenção e planejamento. Estabelecer um período de monta na propriedade permite sincronizar o período de maior requerimento nutricional das vacas com a época do ano de maior disponibilidade de forragens, ou seja, as chuvas.

“São nos meses de maior incidência de chuva que as vacas encontram as melhores condições para reprodução. O criador deve estar atento para que o animal chegue a essa época com o melhor score corporal, por isso é importante se planejar, iniciando a suplementação na época correta, para garantir bons resultados no período”, explica o gerente Técnico e de Marketing da Connan, Marcio Bonin.

Para Bonin, o produtor deve apostar em um planejamento em longo prazo para conquistar os melhores resultados. “Não adianta focar a suplementação trinta dias antes de iniciar a estação de monta. Existe uma correlação entre a taxa de fertilidade e a quantidade de gordura da vaca, por isso é importante traçar uma estratégia focada na alimentação do animal durante todo o ciclo”, afirma.

Como acontece?

Os melhores resultados em termos de taxa de desmame e peso são obtidos quando os nascimentos ocorrem durante a estação seca. Dessa forma, entende-se que no início da estação chuvosa, as pastagens se recuperam rapidamente, e, em pouco tempo, há alimento de boa qualidade em quantidade suficiente para que as fêmeas alcancem uma condição corporal que favoreça os índices reprodutivos. Com isso, a estação de monta poderá começar poucas semanas depois do início das chuvas.

“Seguindo essa lógica, o ciclo terá um resultado muito positivo, pois as vacas serão bem suplementadas nas águas, irão parir em boa condição corporal na seca e estarão recuperadas na próxima estação chuvosa. Essa estratégia permite uma rápida recuperação do animal, sem impacto para a próxima estação de monta”, destaca Marcio.

Focada em oferecer melhores resultados aos pecuaristas, a Connan, uma das principais indústrias de nutrição animal do Brasil, oferece ao mercado uma opção em suplementação indicada para matrizes (vacas e novilhas) no pré-parto e durante a época de cobertura.

“A escolha correta do produto, aliada a estratégias nutricionais bem direcionadas, garante que a vaca alcance os melhores índices nutricionais, que se traduzem em ótima condição corporal, elevadas taxas de prenhez e o desmame de bezerros pesados e de boa saúde”, finaliza Bonin.

Sao nos meses de maior incidencia de chuva que as vacas encontram as melhores condicoes para reproducao.
São nos meses de maior incidência de chuva que as vacas encontram as melhores condições para reprodução – Foto: Divulgação/Connan

A Connan

Com sede em Boituva (SP) e filiais em Campo Verde (MT) e São Gabriel D’Oeste (MS), a Connan – Geração de Resultados iniciou suas atividades em 2004 e tem como principais acionistas os engenheiros agrônomos Fernando Penteado Cardoso Filho e Eduardo Penteado Cardoso, membros da família fundadora da empresa Manha.

O primeiro grande fabricante de adubos, do famoso slogan “Com Manah adubando dá”, foi criado pelo patriarca Fernando Penteado Cardoso. Os dois irmãos e sócios também são detentores da patente Nelore Lemgruber, desenvolvendo e expandindo a genética na Fazenda Mundo Novo.

Com uma linha composta por 79 produtos e mais de 150 representantes comerciais, a Connan é a única empresa nacional a produzir o próprio fosfato bicálcico, o que lhe confere grande diferencial competitivo e garantia de qualidade dos produtos.

Fonte: Connan/Attuale Comunicação
Crédito da foto: Divulgação/Connan

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil

Relacionadas

Veja também

Remar Cidadão precisa da participação dos cidadãos para avaliação e aprimoramento das previsões de andadas e das normativas de defeso dos caranguejos nos anos futuros
Para especialistas, desempenho exportador das carnes neste início de 2022 é bastante satisfatório, mas o preço da carne suína registra queda anual próxima de 10%
Também nos bovinos, os nutrientes desempenham funções essenciais no organismo; então, atenção para quando ele faltarem na forragem oferecida, Carência muito comum no País
Os dados constam do banco da Associação Nacional de Criadores Herd-Book Collares (ANC), entidade mais antiga de registro de animais de raça do país