O AGRONEGÓCIO MAIS PERTO DE VOCÊ

Resgate Técnico e Atendimento a ocorrências com animais em situação de emergência

O Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de São Paulo (CRMV-SP) acaba de criar sua Comissão de Resgate Técnico Animal e Medicina Veterinária de Desastres (CRTAMVD)
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Áudio

O Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de São Paulo (CRMV-SP) acaba de criar sua Comissão de Resgate Técnico Animal e Medicina Veterinária de Desastres (CRTAMVD). A oficialização ocorreu por meio da Resolução CRMV-SP nº 2969/ 2021.

A nova comissão foi instituída visando ampliar os diálogos e fomentar políticas públicas no Estado de São Paulo para o atendimento a ocorrências com animais em situação de emergência, tais como incêndios florestais, deslizamentos de terra, rompimento de barragens, entre outros desastres e catástrofes ambientais.

“Discutiremos, com foco regional, técnicas e protocolos específicos para o atendimento a animais de diferentes espécies nessas situações”, explica o presidente da CRTAMVD/CRMV-SP, o médico veterinário Leonardo Maggio de Castro, profissional especializado na área, com experiência em ocorrências em diversos estados e integrante da Comissão Nacional de Desastres em Massa envolvendo Animais do Conselho Federal de Medicina Veterinária.

De acordo com o presidente do CRMV-SP, Mário Eduardo Pulga, a ampliação das discussões sobre este tema é fator fundamental para que a profissão alcance novos patamares. “O resgate técnico de animais e a Medicina Veterinária de Desastres são áreas cujas ações impactam diretamente na saúde pública, com medidas de controle e prevenção de surtos de doenças, entre muitas outras”, enfatiza Pulga.

Abordagem regional será ampla

Castro enfatiza que um grande destaque da iniciativa do CRMV-SP ao criar a comissão é a abordagem ampla, que vai além dos contextos de desastres e catástrofes.

“Trataremos das boas práticas, também, em caso de emergências cotidianas, as quais permaneciam ocultas, gerando baixa assistência aos animais atingidos”, diz o médico-veterinário, referindo-se aos incidentes em centros urbanos e áreas rurais, dentre os quais pontua enchentes, atropelamentos, quedas em buracos, rios e córregos ou outros tipos de acidentes envolvendo animais.

A Comissão de Resgate Técnico Animal e Medicina Veterinária de Desastres do CRMV-SP é composta por: Presidente: Méd.vet. Leonardo Maggio de Castro; Membros efetivos: Méd.vet. Claudia Carvalho do Nascimento; Méd.vet. Claudio Zago Junior, Méd.vet. Esther Mercedes Espejo de Faria Alvim, Méd.vet. Jose Sergio de Arruda Gonçalves; Membro suplente: Méd.vet. Renan Borges Inácio.

Sobre o CRMV-SP

O CRMV-SP tem como missão promover a Medicina Veterinária e a Zootecnia, por meio da orientação, normatização e fiscalização do exercício profissional em prol da saúde pública, animal e ambiental, zelando pela ética. É o órgão de fiscalização do exercício profissional dos médicos veterinários e zootecnistas do Estado de São Paulo, com mais de 43 mil profissionais ativos. Além disso, assessora os governos da União, estados e municípios nos assuntos relacionados com as profissões por ele representadas.

Fonte: CRMV-SP/ www.crmvsp.gov.br