FMC promove campanha que valoriza o algodão brasileiro

Empresa de ciência para a agricultura - a FMC, promoveu o lançamento da campanha Sou de Algodão em live com integrantes da Abrapa

Compartilhar

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on email
Share on telegram
FMC promove campanha que valoriza o algodão brasileiro
Marcelo Magurno – Foto: Divulgação
Áudio

Você sabe de onde vem o algodão da roupa que você está vestindo? Tem conhecimento da cadeia que envolve essa grande indústria? É justamente para responder essas perguntas que a FMC, empresa de ciências para agricultura, promoveu o lançamento da campanha Sou de Algodão FMC, na segunda-feira, dia 2 de agosto.

O evento online foi celebrado com uma live que contou com a participação do Diretor de Negócios Brasil da FMC, Marcelo Magurno, Fábio Lemos, Gerente de Cultivo da FMC, em parceria com nomes de peso da Abrapa (Associação Brasileira dos Produtores de Algodão), como o presidente Júlio Cézar Busato e Silmara Ferraresi, assessora da presidência e gestora do Movimento Sou de Algodão. O evento foi assistido por aproximadamente 490 colaboradores.

“O objetivo é prestigiar toda a cadeia da cotonicultura e fortalecer a parceria da FMC com a Abrapa. Nós temos uma história de mais de 20 anos com essa cultura que movimenta a economia e abre um importante debate sobre produção em larga escala com sustentabilidade”, ressalta Marcelo Magurno.

Brasil fornece 36% do algodão sustentável consumido no mundo

Além da live, o lançamento da campanha também contou com uma ativação nas redes sociais da FMC e do Sou de Algodão. “Queremos transformar os colaboradores em porta-vozes da importância dessa cultura para a FMC e para o Brasil. A ideia é incentivar o uso de itens de algodão, afinal, somos todos embaixadores do algodão brasileiro. O lançamento da campanha O Valor que Vem da Fibra vem justamente para reforçar a valorização da fibra brasileira, produzida de forma sustentável que vem ganhando mundo”, reforça Fábio Lemos.

O Brasil é segundo maior exportador de algodão do mundo, o quarto maior produtor, evidenciando a relevância do país no setor. Segundo dados da Abrapa, nosso algodão é responsável, pois, mais de 80% da produção possui certificação socioambiental, gera empregos e contribui para uma economia consciente. Hoje, o país fornece 36% do algodão sustentável consumido no mundo.

A FMC é uma das grandes entusiastas do movimento Sou de Algodão, que surgiu em 2016 a partir da Abrapa em conjunto com o IBA (Instituto Brasileiro de Algodão). A iniciativa propõe uma nova maneira da produção dessa fibra: ambientalmente correta, socialmente justa e economicamente responsável.

Fonte: A FMC Corporation
Foto: Divulgação/A FMC Corporation

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil

Relacionadas

Veja também

De acordo com a consultoria Safras & Mercado, a semana teve início com fluxo inexpressivo de negócios no mercado físico do boi gordo.
Na média nacional, a produção de café beneficiado em 2021 deve ser 25,7% menor do que no ano passado.
Ele inventou um coletor de pingo, fermento natural usado na produção de Queijo Minas Artesanal
Para entidade, debate sobre demarcação de terras indígenas causa insegurança jurídica e pode afetar a economia e toda a cadeia produtiva.