Roxão, mais uma lenda que desaparece no criatório Quarto de Milha

Silver Wild SLN, o “Roxão”, morreu aos 27 anos e deixou um legado para Vaquejada
Share on whatsapp
Compartilhe no WhatsApp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on email
Share on telegram

Um nome que se tornou uma lenda para os apaixonados pelo esporte Vaquejada foi o tordilho Silver Wild SLN, o “Roxão”. Filho de Wild Dash SLN e Dorinha Alamitos SLN (Alamitos Lad), ele se destacou como um dos maiores líderes em todos os tempos da raça Quarto de Milha e se tornou um divisor de águas na Vaquejada.

Roxão foi eleito pela Revista Conexão Vaquejada ”O Melhor Cavalo da Vaquejada 2000/2001”, campeão Nacional Mastruz Com Leite/2000, vencedor dos seguintes Circuitos de Vaquejada: I Nacional Ford 2001, Tocantins – TO/2002, Semente da Terra – MG/2002, Parque Zezé Rocha – SE/2002, além de ser tricampeão do ABQM Awards (2015, 2016 e 2017), entre muitos outros títulos. 

silver wild sln roxao
Silver Wild SLN – Foto: Divulgação/Alvaro Maya 
Roxão na reprodução

Na reprodução acumulou inúmeros filhos vencedores na modalidade, que totalizaram 2.378,25 pontos. Estão entre eles: Baira Roxa AD (238,5 pontos), Doc Silver Wild (87,5 pontos), Special Silver AD (85), VPJ All Black Wild (63), Roxo Diego HJG (61), Caliente Roxo AD (60), Orquídea Roxa (51), Chantal Roxo AD (47), Sucesso Roxo RVN (41,5), Apocalipse Dash Wild (39), entre muitos outros. 

Só em relação ao Potro do Futuro ABQM produziu os seguintes campeões: em 2010, o animal de puxar Alamito Lad Roxo (mãe: Sunrise Lad SLN), e o de esteira Backup Of Wild AGDV (mãe: Catchme Times); e em 2014, Bauxita Dash Wild (mãe: Lucky Dash Point), outro animal de puxar. 

Além da Vaquejada, somou 82,5 pontos entre seus filhos nos Três Tambores. 

Nascido em 1994, esse animal da criação do tradicional quartista Sérgio Luiz Rodovalho Nouguês, desapareceu na sexta-feira (21/05/2021) aos 27 anos de idade, deixando uma lacuna para todo o plantel da raça e, principalmente, muita tristeza ao seu proprietário, Jonatas de Oliveira Dantas Filho, titular do Ana Dantas Ranch, em Boituva (SP). 

Crédito da foto em destaque: Divulgação/Ana Dantas Ranch

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil

Relacionadas

Veja também

Mesmo desaparecido há 21 anos ocupa, em todos os tempos, a 9ª colocação do Ranking da ABQM, como pai, e líder absoluto, como avô
Mesmo desaparecido há 15 anos, ocupa a 25ª colocação no Ranking de Reprodutores, em todos os tempos
Além da Apartação, produziu inúmeros filhos premiados em Rédeas, Laço Individual (técnico e cronômetro), Laço Cabeça, Laço em Dupla, Team Penning, Seis Balizas, Três Tambores, Cinco Tambores e em Conformação
Nesta coluna de Abdalla Abib, ele fala do craque nas pistas de Apartação que, com um “cow sense” extraordinário e oriundo de uma nobre genética, mostrou toda sua qualidade como atleta e deixou um legado na reprodução