40ª Exposição Nacional do Cavalo Árabe

Em 2021, a Nacional do Cavalo Árabe irá distribuir R$ 350 mil em prêmios entre os melhores colocados de oito modalidades diferentes.
Share on whatsapp
Compartilhe no WhatsApp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on email
Share on telegram
40ª Exposição Nacional do Cavalo Árabe
Seis Balizas
Áudio

São 40 anos de história. Foi em 1982 que a Associação Brasileira dos Criadores do Cavalo Árabe (ABCCA) começou a escrever as primeiras páginas do maior evento da raça no país. Ou seja, da Exposição Nacional do Cavalo Árabe. Do Parque da Água Funda, na capital paulista – palco da estreia do evento – ao Helvetia Riding Center, em Indaiatuba (SP), que, em 2021 receberá a 40ª edição, de 10 a 14 de novembro, em total clima de celebração.

“Celebrar 40 anos de Nacional é celebrar 40 anos de muita história!”, diz Rodrigo Forte, presidente da ABCCA. “Trata-se de um evento grandioso, complexo de organizar, o maior evento da raça na América Latina e um dos mais importantes do mundo”.

Forte lembra que os principais objetivos de uma exposição são o fomento e a seleção dos melhores cavalos da raça. O que, consequentemente, direciona os criadores na reprodução. Por conta disso, as 39 edições da Exposição Nacional contribuíram historicamente para esses objetivos e, consequentemente, com a evolução do Cavalo Árabe.

Halter Cavalo Arabe
Halter

“Ademais, as Nacionais sempre mostram o Cavalo Árabe em suas diversas facetas, não somente no halter, mas especialmente mostrando a sua versatilidade nas diversas categorias montadas. Queremos mais do que nunca reforçar essa versatilidade e qualidades da raça para o grande público”, reforça o presidente da ABCCA.

Modalidades da 40ª Exposição Nacional

ABCCA hipismo rural 1
Hipismo Rural

Halter, Performance, Três Tambores, Seis Balizas, Cross Country, Enduro, Corrida, Salto e Hipismo Rural. São nestas modalidades que o Cavalo Árabe irá exibir toda a sua beleza, tipo e funcionalidade durante a 40ª Exposição Nacional, que terá a distribuição de R$ 350 mil em prêmios.

Os juízes oficiais da Nacional serão: Christine Jamar, da Bélgica; Jerzy Bialobok, da Polônia; John Rannenberg, dos Estados Unidos; Leonardo P. Machado, do Brasil; Mohamed Machmoum, do Marrocos; Scott Brumfield, dos Estados Unidos; Guilherme F. Santos, Vet-Check do Brasil e Juan Stuckey, Ring Master, dos Estados Unidos. Já os juízes da Copa Brasil serão os brasileiros: Guilherme Távora, Gustavo Vibian, João Henrique Netto, Marcelo Jubran e Saul Borsari.

Novidades

Visando as celebrações dos 40 anos da Exposição Nacional, o evento está recheado de comemorações. Entre elas o jantar de comemoração, homenageando grandes nomes da raça nesses anos de evento.

Além do jantar, faz parte da programação da Exposição Nacional o “Special Presentation”. Trata-se de um projeto da ABCCA onde os criadores podem ofertar seus animais, realizado no Helvetia Riding Center. “Uma seleção de animais, coberturas, óvulos e embriões oferecidos por excelentes criadores. Uma oportunidade única para quem visa reforçar o plantel”, esclarece Forte.

Por fim, vale destacar também a realização dos Farm Tours, onde os criadores abrem as porteiras do seu criatório para receber as pessoas, mostrar seu programa de criação e fazer bons negócios. Neste ano, o Haras Vila dos Pinheiros, localizado em Indaiatuba, e o Haras das Faias, em Cotia (SP), fazem parte da programação.

Western SHI3369 L
Western

A programação completa da 40ª Exposição Nacional pode ser conferida no site oficial do evento: https://nacional.abcca.com.br/pt/

Fonte: ABCCA

Crédito: Divulgação ABCCA

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil

Relacionadas

Veja também

Diretoria, Conselhos e Comissões foram apresentados oficialmente nesta terça-feira, 18 de janeiro. A cerimônia aconteceu na sede da ABCCMM, em Belo Horizonte (MG)
O cooperativismo tem bons motivos para comemorar quando o assunto é o avanço de sua agenda institucional no Congresso Nacional.
Trata-se da última extensão de terra do município, às margens do rio Taiassuy, já no limite com o Arquipélago do Marajó, com vista para o estado do Amapá.
Em 21 de janeiro de 2022, serão condecorados animais e pessoas que contribuíram para o desenvolvimento do Quarto de Milha no Brasil.