Search
Close this search box.

Tecnologia para a agricultura é destaque em projeto da Embrapa

17 de abril de 2023

Evento, na Unicamp, contou com a presença do governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas
Compartilhe no WhatsApp
ecnologia para a agricultura é destaque em projeto da Embrapa

O prefeito de Campinas, Dário Saadi, participou, junto do governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas, na manhã do dia 11 de abril, do lançamento do Centro de Ciência para o Desenvolvimento em Agricultura Digital (CCD-AD/SemeAr), da Embrapa Agricultura Digital, no campus da Unicamp.

Tecnologia para a agricultura é destaque em projeto da Embrapa
Foto Divulgação

O prefeito destacou como a tecnologia pode levar a transformação digital ao pequeno produtor rural e a importância daquela região, em Barão Geraldo, para o desenvolvimento do PIDS (Polo de Inovação e o Desenvolvimento Sustentável) e do HIDS (Hub Internacional para o Desenvolvimento Sustentável), da Unicamp. “Estamos numa fase importante, discutindo a mudança no zoneamento na área, que será destinada à tecnologia e ao desenvolvimento sustentável. Será um diferencial para Campinas”, disse o prefeito.

O projeto do Centro de Ciência foi apresentado pela pesquisadora, futura presidente da Embrapa Digital, Sílvia Massruhá. Ela detalhou como o Centro irá atuar em pesquisa, desenvolvimento e inovação em tecnologias para atender, principalmente, pequenos e médios produtores rurais. “A tecnologia é fundamental para gerar valor nos sistemas de produção e aproximar pequenos e médios produtores”, destacou Sílvia.

O governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas, afirmou que a tecnologia está presente no campo. “Os estados que mais investem em tecnologia e inovação são os que mais crescem. Neste projeto SemeAr, vemos a grande alavanca para a nossa pesquisa, e de levar a agricultura digital ao pequeno produtor. Nosso agro é sustentável e o sucesso desta iniciativa é fundamental para a segurança alimentar”, disse o governador.

Centro de Ciência para o Desenvolvimento em Agricultura Digital (CCD-AD/SemeAr)

O objetivo do SemeAr é promover a conectividade em áreas rurais e o acesso a soluções digitais, com ganhos na produtividade e competitividade, redução de custos e aumento da eficiência da produção agrícola por meio de inteligência artificial, sensoriamento remoto, automação, agricultura de precisão e rastreabilidade.

O CCCD- AD/SemeAr contará com investimentos de R$ 25 milhões ao longo dos próximos cinco anos. O projeto está sendo desenvolvido com as instituições CpqD, Esalq/USP, Insituto Agronômico de Campinas (IAC), o Instituto de Economia Agrícola (IEA), Instituto Nacional de Telecomunicações (Inatel), e a Universidade Federal de Lavras (Ufla).

Também participaram os secretários estaduais de Agricultura, Antônio Junqueira; de Ciência e Tecnologia, Vahan Apogyan; secretários municipais de Desenvolvimento Econômico e Inovação, Adriana Flosi; de Educação, Tadeu Jorge; reitores da Unicamp, Tom Zé Meirelles; da PUC-Campinas, Germano Rigacci Júnior; membros da Embrapa, da Fapesp e outros institutos.

Por Prefeitura de Campinas

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil

Relacionadas

Veja também

Produtores do Vale do São Francisco utilizam técnicas de esterilização de machos e captura das pragas com armadilhas no campo
A nanotecnologia integra conhecimentos da química, biologia, eletrônica, computação e física para estimular o crescimento de plantas.
Colmeias podem fornecer uma colheita de aproximadamente 50 kg de mel em dois meses durante a floração de soja. Fora das lavouras, colheita de mel é estimada em 19 kg por ano.
Dados mostram que serão produzidos 193,15 mil litros, abaixo do recorde de 580,22 mil litros do período anterior