Search
Close this search box.

Seafood Show Latin America 2023 excede as expectativas e finaliza com participação recorde de varejo e food service

15 de novembro de 2023

Feira movimentou o setor com 100 marcas presentes e crescimento de 43% de participação do setor de food service, 37% de varejo, 16% importador e 2% de distribuidor
Compartilhe no WhatsApp
Seafood Show Latin America 2023 excede as expectativas e finaliza com participação recorde de varejo e food service

Um espaço de eventos com clima positivo e estrategicamente pensado para fomentar negócios. Essa foi a percepção de quem visitou a segunda edição da Seafood Show Latin America 2023, realizada no final de outubro, no Pro Magno Centro de Eventos, em São Paulo. 

A feira de negócios da América Latina focada na comercialização de pescado movimentou o mercado. Foram mais de 100 marcas presentes, com a presença de nove países expondo, visitação de 3.300 profissionais, aumento de 43% de participação do setor de foodservice, 37% de varejo, 16% importador e 2% de distribuidor.

Além de negociações dentro dos estandes, a tradicional Rodada de Negócios promovida pelo evento reuniu em um espaço privativo 21 empresas fornecedoras e 17 compradoras. A expectativa é que as 125 reuniões realizadas nesta programação gerem mais de R$ 21,4 milhões em volume de negócios nos próximos 12 meses. 

“O aumento do público focado em mercado de pesca e os resultados da Rodada de Negócios deste Seafood Show Latin America 2023 mostram que o segmento está acompanhando o crescimento do consumo de peixes no Brasil e na América Latina e está investindo cada vez mais em conhecimento e novos negócios para acompanharem essa tendência. A feira existe para gerar bons negócios e, neste ano, atingimos esse objetivo com bastante êxito”, afirma Valeska Oliveira, head de produto da Francal Feiras, uma das maiores produtoras de eventos B2B e B2C da América Latina.

Êxito percebido pela expositora Rebela. “A feira foi muito pontual, foi muito boa para negócios e conseguimos fazer bastante conexões, trazendo bastante clientes novos aqui para a empresa, além de nos conectar com os exportadores e com novos fornecedores. O Prêmio Seafood Innovation Show foi incrível, pois foi uma oportunidade a mais para dar visibilidade para o setor. Com certeza estaremos aqui no ano que vem”, comemora Caique, representante da marca.  

A Biopescados da Amazônia veio pela primeira vez como expositor e o representante Gustavo Pedrosa viu a feira como uma ótima oportunidade de apresentar a marca para mais negócios. “É a primeira vez que nós expomos assim. O ano passado a gente veio como visitante e essa edição está muito boa, muito produtiva. Tivemos a oportunidade de apresentar a marca para pessoas de vários países, inclusive da América Latina. Restaurantes vieram numa quantidade também bem expressiva, superior ao que a gente tinha previsto, além de vários outros segmentos que têm sinergia com o nosso negócio. Acreditamos que bons negócios sairão daqui”, comentou. 

Para Noronha Pescados, a feira foi um ótimo espaço para conquistar novos clientes e ainda ganhar o terceiro lugar do Prêmio Seafood Innovation Show. “A Noronha Pescados está muito feliz com a participação nesse ano na Feira Seafood Show Latin America, que cresceu e contou com muito mais participantes de outros países. Neste ano, a Noronha teve uma participação maior e ficou muito feliz em ter ganho o prêmio em terceiro lugar com um produto mais inovador e estamos ansiosos para estar presente de novo no próximo ano”, afirma Guilherme Blanke, diretor executivo da marca.  

A Seafood Show Latin America 2023 contou também com diversas palestras importantes para o setor e com palestrantes nacionais e internacionais, como “O status do comércio mundial de pescado”, “As commodities do mercado – Salmão, Tilápia, Camarão, Bacalhau e Peixe Branco”, “Produtos de Nicho: Atum, lula gigante, peixes amazônicos e lagosta”. A feira também teve muito conteúdo para o setor de varejo, com apresentações como “Movimentações do mercado de pescados no varejo brasileiro”, “Novos canais de venda e marketing digital para o setor de pescados”, “Cases do varejo de pescado fresco e processado”.

O food service, que teve um aumento de 43% de participação no evento, teve importantes palestras também, como “Os desafios do mercado da gastronomia japonesa”, “O Novo Pescado: Pescado celular, plant-based e modelos alternativos e sustentáveis de negócios” e “A importância da cadeia de suprimentos no setor de restaurantes japoneses”, que contou com a participação de Jun Sakamoto, chef e empresário. “É extremamente importante a Feira Seafood Show, porque é a curva do nosso trabalho, é o ingrediente principal. E quanto maior for esse evento, com certeza a quantidade de produtos vai crescer ainda mais no mercado e isso vai ser ótimo para todos”, afirma Sakamoto. 

Além de palestras, a feira contou com diversas aulas show, com os temas “Inovação na Cozinha: Charcutaria, fermentação e preservação”, “Camarão no Sushi: Diferentes apresentações e possibilidades”, “Peixes Amazônicos: Pirarucu e tambaqui”, “Masterclass do atum: Destrinchando os segredos da espécie”, entre outras. 

Para 2024, o Seafood Show Latin America está programado para acontecer no Distrito Anhembi, nas datas de 22 a 24 de outubro, em São Paulo. “Com o sucesso de 2023, vamos planejar um evento em um local ainda maior para que possamos ampliar a feira com mais expositores e conteúdo, gerando assim, mais negócios para o mercado de pescado”, finaliza Valeska. 

A Seafood Show Latin America é uma realização Francal Feiras e Seafood Brasil. Todas as informações sobre os conteúdos podem ser encontradas no site oficial – https://seafoodshow.com.br/

Sobre a Seafood Brasil  

A Seafood Brasil é uma plataforma de comunicação destinada a aumentar o consumo e gerar negócios para os atores da cadeia produtiva do pescado. Inaugurada em 2013, conta com um portal, mídias sociais, eventos com a cadeia produtiva e uma revista com cinco edições anuais.  

  Sobre a Francal Feiras  

  

Desde 1969, a Francal Feiras é sinônimo de negócios e pioneirismo. Com mais de cinco décadas de atuação, é uma das maiores e mais tradicionais promotoras de eventos do país, com capital 100% nacional. Os negócios originados pelos 13 eventos de seu portfólio movimentam a economia e contribuem para o desenvolvimento de todas as regiões do Brasil.     

Por Seafoodshow

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil

Relacionadas

Veja também

Confinamento alcança 7,379 milhões de cabeças e destaca a importância da tecnologia e gestão para aumentar a produtividade no setor
Produção de frangos e ovos é destaque no Distrito Federal. A grande demanda da região por produtos de origem animal resulta nos quase 6 mil produtores cadastrados na Emater-DF
A Pecuária é responsável por US$ 1,37 bilhão das exportações sul-mato-grossense
Comitivas internacionais da América Latina, África e Ásia são esperadas no Parque da Gameleira