Search
Close this search box.

Rússia audita 11 plantas frigoríficas para exportação de carne bovina e de ave brasileira

17 de dezembro de 2023

Missão russa fortalece a relação de confiança entre as autoridades sanitárias dos dois países e reforça o compromisso do Brasil em manter o alto padrão de qualidade e segurança de seus produtos agropecuários
Compartilhe no WhatsApp
Rússia audita 11 plantas frigoríficas para exportação de carne bovina e de ave brasileira

Amissão de inspeção, a primeira desde 2015, a estabelecimentos brasileiros de carne bovina e de aves pelo Serviço Federal de Vigilância Veterinária e Fitossanitária da Federação da Rússia (Rosselkhoznadzor), concluiu, em dezembro corrente, a inspeção de seis plantas produtoras de carne de aves e cinco de carne bovina.

A delegação russa passou por seis estados brasileiros e pelo Distrito Federal. No início e no fim do roteiro, houve reuniões técnicas com representantes da Secretaria de Defesa Agropecuária (SDA) e da Secretaria de Comércio e Relações Internacionais (SCRI) do Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa). Além de frigoríficos, foram visitados estabelecimentos de criação de bovinos e aves, e laboratórios oficiais, apresentando os controles sanitários de uma ponta a outra da cadeia produtiva.

Rússia exportou em 2022, R$ 278 milhões entre carne bovina e de aves

As exportações brasileiras de carne bovina e carne de aves para o mercado russo, que em 2022 somaram US$ 278 milhões e representaram 15,4% da pauta brasileira, continuaram a crescer em 2023. Entre janeiro e outubro deste ano, o fluxo comercial já alcançou US$ 250 milhões, atingindo 22,2% do total das exportações brasileiras para a Rússia.

A missão fortalece a relação de confiança entre as autoridades sanitárias do Brasil e da Rússia e reafirma o compromisso do Brasil em manter os mais altos padrões de qualidade e segurança em seus produtos agropecuários. O diálogo contínuo com países importadores é essencial para que os produtos do agronegócio brasileiro continuem a ganhar espaço no mercado internacional.

Por MAPA

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil

Relacionadas

Veja também

Em 2022, quando a Guerra na Ucrânia começou, houve um salto de 188% nas exportações de fertilizantes de Israel ao Brasil
Para Arnaldo Jardim, tendência é a ampliação das possibilidades do produto
Esse fenômeno tem gerado impactos positivos no desenvolvimento de municípios do Piauí que, anteriormente, apresentavam indicadores econômicos mais modestos, transformando suas realidades.
Ambiente de negócios aponta para encurtamento das escalas de abate, o que pode levar ao maior apetite de compra