O AGRONEGÓCIO MAIS PERTO DE VOCÊ

Provas de Conformação da LINCC reuniu expositores de vários estados

A Liga Nacional do Cavalo de Conformação realiza mais uma etapa de sucesso, fomento e valorização da modalidade
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Provas de Conformação reuniu expositores de várias estados
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Áudio

Na Hípica Centaurus, no Centro Hípico de Tatuí, no interior paulista, animais das raças Quarto de Milha, Appaloosa e Paint Horse foram avaliados nas categorias Amador e Aberta, nos dias 15 e 16 de maio. Nas provas de Conformação, sob olhares atentos dos juízes, destacam-se os exemplares que mais expressam os padrões raciais, beleza e morfologia desejáveis.  

E, como diz o presidente da LINCC, Francisco Simas, a modalidade é a base de tudo, é a reserva genética da raça. Simas comenta que as provas de Conformação transcorreu com muita assertividade, reforçando um momento bastante positivo tanto para o mercado quanto para a retomada de provas.

“Tivemos a participação de vários novos expositores e a presença de animais representantes dos estados de Goiás, Mato Grosso do Sul, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e São Paulo. Tomamos todos os cuidados, seguindo protocolos como uso de máscaras, distanciamento, com um número reduzido de pessoas ligadas à apresentação de cada animal, e evento não foi aberto ao público, a fim de evitar qualquer tipo de aglomeração”.   

Troféus da etapa da LINCC em Tatuí – Foto: Divulgação/Agrovenki

A LINCC realizou duas etapas em dezembro 2020 e duas em maio. “Faremos mais uma etapa no segundo semestre”, adianta Francisco Simas, comentando que o expositor, o proprietário, o criador que tem investido em animais, está com cavalos parados devido a esse período de pandemia, custeando alimentação, treinamento. “Nossa ideia é, de alguma forma minimizar isso e ajudar a movimentar o mercado”. 

Francisco Simas também fala sobre a realização das provas de Conformação da LINCC: “Nós nos sentimos muito satisfeitos ao promover essas provas. Costumo dizer que elas atuam no fomento da modalidade, aproximando pessoas e abrindo espaço para negócios. Por isso, sempre pensamos nos modelos de evento onde exista a valorização da raça, a confraternização e uma premiação diferenciada, não só em dinheiro, mas também como em troféus especialmente confeccionados”.  

Assim como Simas, Luciano Beretta, que organizou a parte técnica das provas, acredita que o mercado do cavalo de Conformação está aquecido. “No leilão que aconteceu 15 dias antes do evento, obtivemos ótimas médias mostrando a valorização da Conformação, e muita procura por pelagem e morfologia. Três dos compradores já colocaram os animais adquiridos para concorrer nessas provas de agora”.  

Para o presidente da LINCC, conviver com cavalos é algo muito especial, que traz alegria. Simas tem uma empresa de Comunicação em São Paulo, é criador e proprietário de cavalos, trabalhando no treinamento para Conformação em sua propriedade. Ele conta que herdou esse gosto de sua mãe, que criava Appaloosa. Os dois ingressaram na atividade com cavalos em 1993. “Comecei com ela e não parei mais”, afirma Simas, que acrescenta: “É um ambiente saudável demais, além do prazer tem o networking. É algo que me completa, gostaria que meus filhos, ainda pequenos, também pegassem gosto e dessem continuidade a esse convívio com os cavalos”. 

Confira os Campeões da Provas de Conformação
Provas de Conformação reuniu expositores de várias estados
Provas de Conformação reuniu expositores de várias estados
Provas de Conformação reuniu expositores de várias estados
Provas de Conformação reuniu expositores de várias estados

Fonte: Redação Agrovenki
Crédito da foto em destaque: Divulgação/Agrovenki 

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil