Search
Close this search box.

Protocolo reforça papel de Londrina como polo de inovação no agronegócio

20 de setembro de 2023

O protocolo foi assinado durante o 4° Fórum do Agronegócio, evento promovido pela SRP e realizado no Parque Governador Ney Braga. 
Compartilhe no WhatsApp
Protocolo reforça papel de Londrina como polo de inovação no agronegócio

A vocação de Londrina no agronegócio foi reforçada nesta segunda-feira (18) com a renovação do protocolo de intenções que, em 2019, posicionou o município como o primeiro Polo de Inovação Agro do Brasil. 

O ministro da Agricultura e Pecuária, Carlos Fávaro, o governador Ratinho Junior e o presidente da SRP (Sociedade Rural do Paraná), Marcelo El-Kadre, assinaram o documento durante o 4° Fórum do Agronegócio, evento promovido pela SRP e realizado no Parque Governador Ney Braga. 

O projeto iniciado há quatro anos busca estimular a criação de novas tecnologias voltadas ao campo e foi fundamental para o desenvolvimento do ecossistema londrinense. Na avaliação de El-Kadre, o município assumiu um compromisso e conseguiu cumprir com sua obrigação. 

De lá para cá, já foram criados quinze polos de inovação, mas o pioneirismo londrinense merece destaque. “Queremos manter essa bandeira de liderança junto ao país todo”.

O presidente da SRP cita que o produtor brasileiro está preocupado com a preservação ambiental e que investimentos em tecnologias para a redução da área de defensivos agrícolas e criação de bioinsumos, por exemplo, são importantes.

Ratinho Junior fez questão de destacar que o Paraná tem compromisso de produzir um alimento de qualidade e ambientalmente correto. Para o governador, isso tem transformado o estado no “supermercado do mundo”. 

“Nós fomos eleitos por três anos seguidos como o estado mais sustentável do Brasil, a OCDE [Organização para a Cooperação e Desenvolvimento] colocou o estado como referência para o mundo em sustentabilidade, e estamos mostrando que é possível produzir alimento de qualidade, de variedade, e com o olhar para o meio ambiente”, citando o cuidado com matas ciliares, bacias e microbacias hidrográficas.

Por Bonde News

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil 

Relacionadas

Veja também

Criação de canais de atendimento exclusivos e especializados e melhorias na rede elétrica no interior integram série de ações previstas no Cemig Agro.
O saldo alcançou US$9,42 bilhões, aumento de 14,2% em comparação ao mesmo período do ano anterior
Programas de destaque incluem “Vivenciando a Prática”, que já mostrou realidade do agronegócio a mais de 30 mil estudantes e professores, e a Agroteca Digital
O estudo foi realizado pela HR Tech Mereo, plataforma integrada de gestão de pessoas presente em cerca de 40 países, responsável por atender a 10% das 500 maiores empresas do Brasil.