Search
Close this search box.

Produção global de grãos deve ter incremento de 1,8% em 2023/24

24 de abril de 2023

Caso a projeção do Conselho Internacional de Grãos se confirme, total deve ser de 2,29 bilhões de toneladas
Compartilhe no WhatsApp
Produção global de grãos deve ter incremento de 1,8% em 2023/24

A produção global de grãos deve alcançar 2,29 bilhões de toneladas na safra 2023/24, estima o Conselho Internacional de Grãos (IGC, na sigla em inglês). O volume é 8 milhões de toneladas maior que o estimado para a temporada no mês passado.

Caso se confirme, representará um crescimento de 40 milhões de toneladas (1,8%) em relação ao ciclo atual, que deve chegar a 2,25 bilhões.

Segundo o IGC, grande parte desse aumento de oferta deve ser absorvido pela indústria de ração, e os estoques finais devem cair 3 milhões de toneladas, para 581 milhões de toneladas.

O consumo global será de 2,29 bilhões de toneladas, acima das 2,26 bilhões de toneladas demandadas no ciclo 2022/23.

Recuperação no milho

O IGC diz que a produção de grãos será impulsionada principalmente por uma sólida recuperação no milho. A produção do cereal deve crescer de 1,15 bilhão para 1,2 bilhão de toneladas no ciclo 2023/24.

O consumo de milho sairá de 1,17 bilhão para 1,2 bilhão de toneladas. Os estoques aumentarão de 258 para 264 milhões de toneladas.

Grãos

A safra de soja 2023/24 deve ser de 401 milhões de toneladas, 31 milhões de toneladas a mais no comparativo interanual, segundo o IGC. O conselho fala em uma “enorme safra brasileira mais do que compensando as quedas em outros lugares”.

A demanda pode chegar a 389 milhões de toneladas, acima das 366 milhões de toneladas consumidas no atual ciclo. Já os estoques tendem a subir de 49 para 60 milhões de toneladas.

“Prevê-se acúmulo de estoques, enquanto o comércio pode avançar para um novo pico”, pontua o IGC, no documento.

No caso do trigo, a safra deve ser menor na próxima temporada, caindo de 803 para 787 milhões de toneladas, enquanto a demanda será praticamente igual, de 794 milhões de toneladas. Assim, o total armazenado deve diminuir de 284 para 277 milhões de toneladas.

Por Globo Rural

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil

Relacionadas

Veja também

Safra total de milho foi estimada em 114,14 milhões de toneladas, um acréscimo de 2,5 milhões de toneladas em relação ao previsto no mês passado; área plantada deve crescer 1% e produtividade deve avançar 1,2%
Essa parceria confirma a missão do AgroApp que é levar informações de qualidade para o produtor rural e profissional do campo.
Na comparação com a média diária de junho de 2023, há queda de 16,6% no valor obtido diariamente pelas exportações de açúcar em junho de 2024.
Em grande parte do Rio Grande do Sul, a colheita de arroz já foi finalizada