Search
Close this search box.

Preços do melão caem no Vale por causa da concorrência com RN e CE

15 de setembro de 2022

Melão do Vale do São Francisco vem sofrendo pela concorrência vinda do Rio Grande do Norte e Ceará
Compartilhe no WhatsApp
Preços do melão caem no Vale por causa da concorrência com RN e CE
Melão sofreu desvalorização no Vale – Foto: KamranAydinov/Divulgação

A desvalorização do melão amarelo foi grande na semana passada, no Vale do São Francisco (BA/PE). A variedade a granel foi comercializada à média de R$ 2,18/kg, queda de 28% frente à da semana anterior.

A mudança brusca nos preços é justificada, segundo produtores locais, pela maior concorrência com a fruta vinda do Rio Grande do Norte e Ceará – a oferta da safra potiguar/cearense está em constante aumento.

Previsão de estabilidade no preço do melão

De acordo com dados do Cepea/Hortifruti, a previsão para as próximas semanas é de que o preço da fruta se estabilize ou caia ainda mais.

Fonte: Cepea/Hortifruti

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil

Relacionadas

Veja também

Estado de São Paulo produziu 192 mil toneladas de abacate no ano passado
A tendência para 2024 é um primeiro semestre com preços favoráveis e exportações em alta de manga
Com maior disponibilidade de lavouras, produtores visam se capitalizar e/ou adiantar a colheita, comparativamente ao padrão sazonal de anos anteriores.
Durante a cerimônia da Abertura da Colheita também foi assinado um convênio entre o Ibraoliva e o Ministério da Agricultura e Pecuária