Search
Close this search box.

Plataforma aproxima agricultores dos editais de compras públicas

23 de fevereiro de 2024

Os produtores que já têm acesso à plataforma recomendam a prática, pela garantia de compra e pelos preços compatíveis ao do mercado.
Compartilhe no WhatsApp
Plataforma aproxima agricultores dos editais de compras públicas

Nesta quinta-feira (22), a Secretaria de Agricultura e Abastecimento de SP lança, no município de Itaberá, a plataforma Abastece SP, que aproxima agricultores de municípios às licitações de compras públicas. De fácil acesso e por meio de um celular, o programa, iniciativa da Coordenadoria de Desenvolvimento dos Agronegócios (Codeagro), permite que os agricultores acessem editais públicos abertos por produto ou por município, incentivando a compra de alimentos produzidos no Estado de São Paulo, abastecendo, por exemplo, merendas escolares.

Os produtores que já têm acesso à plataforma recomendam a prática, pela garantia de compra e pelos preços compatíveis ao do mercado.

“Antes, perdíamos os editais por dificuldades em acessar o Diário Oficial. Agora, a plataforma está nos ajudando a vender mais, a expandir o raio de comercialização da nossa cadeia e a comparar preços”, afirma Rafael Grothe, produtor de banana em Miracatu, no Vale do Ribeira.

Em 2023, esse modelo de aquisição de alimentos direto do produtor somou mais de R$ 470 milhões. Com a modernização do processo gerada pela plataforma, a expectativa é que esse mercado aumente, beneficiando produtores, cooperativas e associações, além de aumentar o acesso de alimentos saudáveis e nutritivos para a população.

No mesmo evento, a Secretaria de Agricultura também apresenta o programa Propaga SP, que inova a produção de mudas no Estado de SP e conta com investimento de R$ 4 milhões. Com foco em pesquisa, inovação, transferência de tecnologia de espécies arbóreas em embalagens biodegradáveis, a iniciativa contribui com a redução de custos e descarte de plásticos na natureza.


Assim, a CATI dará um salto gigantesco na produção de mudas, em especial de espécies florestais nativas, passando de 500 mil mudas/ano para 2,5 milhões de mudas/ano, o que permitirá a recuperação de 2.200 hectares de áreas degradadas por ano, utilizando a mesma quantidade de mão de obra.”Na plataforma Edital São Paulo, do Abastece SP, será possível visualizar todas as compras públicas do Estado, por município e por produto. É uma inovação importante para o agro paulista em prol dos nossos produtores rurais”, afirmou o secretário de Agricultura, Guilherme Piai.

Por Taroba News

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil

Relacionadas

Veja também

O estudo indicou que a conectividade no agro, que antes era uma novidade, agora se tornou uma tendência emergente.
Agrônomo diz que é necessário ação humana eficaz para que os resultados sejam satisfatórios.
Para um mercado desse tamanho ainda temos muito espaço para o desenvolvimento de soluções que façam sentido à realidade brasileira.