Search
Close this search box.

Pesquisador do IZ apresenta pesquisas voltadas à uma ovinocultura mais sustentável

19 de abril de 2023

O pesquisador abordou os resultados de suas pesquisas relacionadas à seleção de ovinos por eficiência alimentar, explicitando como estes conhecimentos podem aumentar a competitividade e a sustentabilidade da ovinocultura.
Compartilhe no WhatsApp
Pesquisador do IZ apresenta pesquisas voltadas à uma ovinocultura mais sustentável
Foto Divulgação

O pesquisador do Instituto de Zootecnia (IZ-APTA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Ricardo Lopes Dias da Costa participou, de 29 a 31 de Março, do 3o. Congreso Internacional de Agrosistemas Tropicales (Ciatropic), ocorrido no México, realizando também visita técnica à Universidad Juaréz Autónoma de Tabasco.

Em palestra intitulada “Eficiência alimentícia y sus impactos em la productividad de los sistemas pecuarios”, Costa abordou os resultados de suas pesquisas relacionadas à seleção de ovinos por eficiência alimentar, explicitando como estes conhecimentos podem aumentar a competitividade e a sustentabilidade da ovinocultura.

Conforme explicou o pesquisador, as provas de eficiência alimentar em ovinos do IZ selecionam animais com maior eficiência alimentar e hídrica, que consomem até 37% menos alimento para o mesmo ganho de peso, garantindo não apenas aumento na rentabilidade da ovinocultura, mas reduzindo, de forma significativa, os impactos ambientais.

“Animais mais eficientes para a característica consumo alimentar residual, além de consumir menor quantidade de alimento, o que impacta na produção e transporte desse alimento, também são, em geral, mais eficientes para o consumo hídrico”, contou Costa. Da mesma forma, continua, animais mais eficientes produzem menor quantidade de dejetos e menor produção de gases de efeito estufa, sem diminuir sua qualidade de carne – característica importante a se selecionar, uma vez que apresenta boa herdabilidade. Segundo relatou o especialista em sua apresentação, os resultados são promissores para a ovinocultura e essa característica deveria ser utilizada como critério de seleção, de interesse econômico, por produtores de pequenos ruminantes.

O Congresso contou com, aproximadamente, 500 participantes de 21 estados do México e de outros nove países (Alemanha, Colombia, Brasil, EUA, Belize, Reino Unido, Dinamarca, Cuba, Guatemala), de 96 instituições de ensino e pesquisa.

Teste de Eficiência Alimentar em Ovinos

Disponibilizado pelo CPD Zootecnia Diversificada do IZ, em Nova Odessa (http://www.iz.sp.gov.br/unidade.php?id=2), o Teste de Eficiência Alimentar em Ovinos é realizado com a utilização de cochos eletrônicos de medição de consumo em baias coletivas. De acordo com Costa, a Associação Brasileira de Criadores das raças Dorper e White Dorper (ABC Dorper), bem como produtores particulares já estão realizando as provas e selecionando os animais mais eficientes.

Por Secretaria da Agricultura do Estado de São Paulo

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil

Relacionadas

Veja também

Confinamento alcança 7,379 milhões de cabeças e destaca a importância da tecnologia e gestão para aumentar a produtividade no setor
Produção de frangos e ovos é destaque no Distrito Federal. A grande demanda da região por produtos de origem animal resulta nos quase 6 mil produtores cadastrados na Emater-DF
A Pecuária é responsável por US$ 1,37 bilhão das exportações sul-mato-grossense
Comitivas internacionais da América Latina, África e Ásia são esperadas no Parque da Gameleira