Search
Close this search box.

Gripe aviária: Medidas adicionais vêm sendo adotadas regionalmente em complemento aos protocolos do MAPA

13 de março de 2023

De acordo com liderança do setor, país já contava com rígidos protocolos de prevenção contra várias doenças em aves, e agora as ações estão sendo aperfeiçoadas e reforçadas
Compartilhe no WhatsApp
Medidas adicionais vêm sendo adotadas regionalmente em complemento aos protocolos do MAPA para prevenir a gripe aviária

Com o aumento de casos de influenza aviária em países da América do Sul, o Brasil tenta se “blindar” da chegada do vírus com protocolos já estabelecidos pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) e também com medidas vindas de parcerias do setor produtivo e entidades da área. Vale lembrar que, até o momento, o Brasil não conta com nenhum caso da doença.

Dea cordo com o presidente da Comissão Nacional de Aves e Suínos da Confederação NAcional da Agricultura (CNA), Adroaldo Hoffmann, o país já contava há tempos com medidas de biosseguridade contra várias doenças. “Por ser um grand exportador de carne de frango, o Brasil já tem protocolos rígidos contra várias doenças, como Salmonella, Doença de Newcastle, e também influenza aviária, que passa desde o setor produtivo até a indústria”, explica.

Com oito países na América do Sul registrando casos da doença, sendo seis fronteiriços ao Brasill (confira lista abaixo), algumas regiões inspiram mais atenção, como os Estados do Sul do país, que fazem divisa com Argentina e Uruguai, e também o Centro-Oeste, próximo à divisa com a Bolívia. “Inclusive, por iniciativa de associações e governo local aqui do MAto Grosso do Sul, foi instalado em Corumbá um arco de desinfecção de veículos que vêm da Bolívia para o Brasil, em uma tentativa de minimizar as possibilidades de que o vírus entre aqui”, disse.

“Nós não precisamos inventar a roda, ams podemos aperfeiçoá-la. Já temos protocolos eficientes, e vamos complementando com outras medidas que já vimos que deram certo em outros locais, por exemplo”, afirmou Hoffmann.

Países com casos de influenza aviária na América do Sul

Bolívia (fronteira)
Chile
Colômbia (fronteira)
Equador
Peru (fronteira)
Venezuela (fronteira)
Uruguai (fronteira)
Argentina (fronteira)

Arco de Desinfecção CORUMBÁ MS MATO GROSSO DO SUL GRIPE INFLUENZA AVIÁRIA
Arco de Desinfecção Cem Corumbá, no MAto Grosso do Sul, divisa com a Bolívia

Por Notícias Agrícolas

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil

Relacionadas

Veja também

Confinamento alcança 7,379 milhões de cabeças e destaca a importância da tecnologia e gestão para aumentar a produtividade no setor
Criação de canais de atendimento exclusivos e especializados e melhorias na rede elétrica no interior integram série de ações previstas no Cemig Agro.
Produção de frangos e ovos é destaque no Distrito Federal. A grande demanda da região por produtos de origem animal resulta nos quase 6 mil produtores cadastrados na Emater-DF
A Pecuária é responsável por US$ 1,37 bilhão das exportações sul-mato-grossense