Search
Close this search box.

Macaé: Impulsionando o agronegócio além do Petróleo

21 de março de 2024

Produção agrícola ganha destaque na maior cidade produtora de grãos do Estado do Rio de Janeiro
Compartilhe no WhatsApp
Macaé: Impulsionando o agronegócio
Uma cidade que favorece o ambiente de negócios no mar e na terra, com destaque para o agronegócio

Macaé, conhecida como um polo petrolífero, vem fortalecendo seu setor agrícola, destacando-se como o maior produtor de grãos do Estado do Rio de Janeiro. A Fazenda Saudade, localizada na região serrana do município, à margem da Rodovia BR-101, é responsável por 60% da produção estadual.

A estratégia da administração municipal é impulsionar os incentivos no campo, visando diversificar a economia além do setor de óleo e gás. Com uma área de três mil hectares, o produtor Gonçalo Meireles Dias lidera a produção de 9 mil toneladas anuais de diversos grãos, incluindo soja, milho, silagem, feijão e arroz. A colheita de soja já teve início, com previsão de exportação de 1.200 toneladas para a China, através do porto de Santos (SP).

“O papel da Prefeitura de Macaé é crucial para o sucesso dos negócios, ao facilitar a interlocução com entidades estaduais e federais. A cidade é reconhecida por suas terras férteis, chuvas regulares e clima propício para a agricultura”, destaca Gonçalo.

Além da produção de grãos, a fazenda também se destaca na pecuária, com 2.100 cabeças de gado em confinamento, ocupando a liderança estadual no setor. Investimentos em tecnologia, como GPS e insumos biológicos, têm impulsionado o crescimento da produção, gerando 54 empregos diretos e 30 indiretos.

Um dos marcos para o desenvolvimento do agronegócio é o Centro de Distribuição de Alimentos e Hortifruti no Atacado e Varejo (CEAFA), uma Parceria Público-Privada (PPP), cuja primeira fase está prevista para inauguração no segundo semestre de 2024. O CEAFA será de grande importância para escoar a produção, atualmente direcionada a outras cidades do estado, para indústrias de beneficiamento e ração, contribuindo para a expansão dos negócios agrícolas em Macaé.

Por: O Dia

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil

Relacionadas

Veja também

Valor é 4,4% maior que os US$ 35,85 bilhões em exportações registrados no primeiro trimestre do ano passado
Impulsionadas pela soja em grão, pelo açúcar bruto e açúcar refinado, as exportações do Paraná cresceram 4,7% em valor no primeiro trimestre do ano em relação a igual período do ano passado, informou em nota a Agência Estadual de Notícias.
ABCZ foi escolhida para sediar a segunda edição do COMCEBU; evento é aliado à 89ª ExpoZebu
Desembolsos nos primeiros oito meses da safra cresceram 13%, diz Seapa