Geadas são registradas em áreas de cana-de-açúcar, café e milho no Brasil

Segundo analistas o frio deve persistir – foram registradas temperaturas muito baixas em todo o Sul do país até parte do norte de São Paulo
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
No Brasil, geadas registradas em áreas de cana-de-açúcar, café e milho
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Áudio

Desde quarta-feira (30/06), geadas estão sendo relatadas nas áreas de cana-de-açúcar, café e milho do Brasil, dizem os analistas e as agências meteorológicas. Foram registradas temperaturas muito baixas desde o estado do Rio Grande do Sul até parte norte de São Paulo. 

“Há muito tempo não víamos esse tipo de geada no Brasil”, disse o meteorologista do Rural Clima, Marco Antonio dos Santos, em nota.  

As geadas atingem os campos de café do Paraná, um produtor menor, mas também algumas lavouras de café no estado de São Paulo, o segundo maior produtor de arábica do Brasil depois de Minas Gerais. 

Também houve relatos de geadas em canaviais em São Paulo, estado que responde por mais de 60% da produção de açúcar do país. 

“Para a cana-de-açúcar, o impacto é mais severo (do que para o café em São Paulo)”, disse Celso Oliveira, meteorologista da Somar, citando a principal região açucareira de Ribeirão Preto como uma das afetadas. 

Em relação ao milho, as perdas com a geada são difíceis de estimar neste momento, pois o frio persistirá no Paraná, segundo maior produtor brasileiro do cereal, disseram especialistas em clima. Mas mais perdas para o milho são prováveis. 

“As condições atmosféricas ainda são favoráveis ​​à ocorrência de geadas em quase todas as regiões do estado”, disse o Simepar, órgão meteorológico do Paraná. 

No caso da cana-de-açúcar, é possível que o frio acelere a colheita, já que as usinas podem tentar reduzir as perdas e começar a moagem mais cedo, disse Oliveira, da Somar. 

“Quando atingida por geadas, a cana para de crescer e isso diminui o teor de açúcar”, disse Oliveira. “Por isso os moinhos colhem antes do tempo ideal”, disse. 

Analistas disseram que Minas Gerais, o maior estado produtor de café do Brasil, provavelmente seria poupado. 

A massa de ar polar continua se movendo sobre as áreas centrais do Brasil e mais geadas são esperadas nos próximos dias. 

Fonte: Reuters 
Crédito da foto: Divulgação

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil

Relacionadas

Leia também