Search
Close this search box.

Facilpa 2023: julgamentos das raças Dorper e White Dorper serão ranqueados pela ABCDorper

5 de abril de 2023

Inscrições com desconto estão abertas e devem ser feitas pelo site da ARCO-Ovinos até o dia 20 de abril; consulte a circular completa da feira
Compartilhe no WhatsApp
Facilpa 2023: julgamentos das raças Dorper e White Dorper serão ranqueados pela ABCDorper
Crédito da foto: Divulgação/ASPACO

Estão abertas as inscrições para a Feira Agropecuária Comercial e Industrial de Lençóis Paulista – Facilpa 2023, um evento oficial da Associação Paulista de Criadores de Ovinos (Aspaco), que será realizado de 02 a 07 de maio, no Recinto de Exposições José Oliveira Prado. Os julgamentos das raças Dorper e White Dorper serão ranqueados pela ABCDorper.

As inscrições para os julgamentos de classificação deverão ser efetuadas na área de sócio do site da ARCO-Ovinos, no menu “exposições”, sendo as taxas as seguintes: até o dia 20 de abril, R$ 90, e de 21 a 28 de abril, a taxa de inscrição será de R$ 110.

De acordo com a circular, a data base da Facilpa 2023 para cálculo da idade será dia 03 de maio. O jurado para as raças Dorper e White Dorper será o Engenheiro Agrônomo Lucas Lemos Ranzani.

Circular Facilpa

Consulte abaixo a circular completa, contendo a programação completa do evento:

CIRCULAR-02-2023-FACILPABaixar

Por Natália de Oliveira/Agência Agrovenki

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil

Relacionadas

Veja também

Uma vacina capaz de ajudar o criador de caprinos e ovinos a controlar a verminose, principal problema sanitário desses rebanhos no Brasil, foi validada pela Embrapa em animais da região Nordeste e apresentou um nível de eficácia entre 80% e 90% nos ovinos, e entre 60% e 70% nos caprinos.
Somado à complexa conjuntura global, o recuo das importações chinesas de leite tem mantido os preços internacionais estáveis, mas abaixo da média histórica.
Ambiente de negócios aponta para encurtamento das escalas de abate, o que pode levar ao maior apetite de compra
Pelo decreto, laticínios ou cooperativas que comprarem leite no Brasil poderão ser beneficiadas com até 50% de créditos presumidos.