Search
Close this search box.

Encontros que Conectam – Mulheres acontece em Uberaba-MG

19 de abril de 2024

Descubra como a GENEX Brasil está comprometida com o desenvolvimento da pecuária brasileira através do programa "Encontros que Conectam", focado no aprimoramento da pecuária de cria e destacando a liderança feminina no setor.
Compartilhe no WhatsApp
Encontros que Conectam – Mulheres acontece em Uberaba-MG
Foto Divulgação Genex

A GENEX Brasil está elevando os padrões da indústria pecuária brasileira para além da simples palheta de sêmen, demonstrando seu compromisso inabalável com o desenvolvimento do setor. Sob o programa “Encontros que Conectam”, a empresa está liderando um circuito de eventos que visa integrar e fortalecer a pecuária nacional, com um foco especial na pecuária de cria.

“Gostaríamos de enxergar o potencial latente em cada propriedade rural, e é isso que o GENEX Conecta busca fazer. Muitos produtores e produtoras já possuem recursos valiosos em suas fazendas; eles apenas precisam ser refinados e aprimorados. O GENEX Conecta dedica-se a examinar os detalhes de cada localidade, visando otimizá-los para garantir uma maior rentabilidade”, explica Gustavo Freitas, coordenador de Projetos Corte da GENEX Brasil.

Em um movimento pioneiro, a GENEX Brasil recentemente organizou um encontro voltado exclusivamente para as mulheres pecuaristas, com o apoio da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ). “Unimos mulheres que compartilham a mesma paixão pela pecuária, e é essa paixão que nos impulsiona. Escolhemos o tema da liderança para este encontro porque reconhecemos que as pecuaristas trazem uma visão mais humanizada para o negócio, focando no desenvolvimento das pessoas”, comenta Sérgio Saud, diretor-executivo da GENEX Brasil.

O evento começou com um painel sobre “Liderança e Gestão na Pecuária”, moderado por César Franzon, da Terra Desenvolvimento. Durante as discussões, um dos temas proeminentes foi o machismo ainda presente no setor. Rafaela Potsch, da Fazenda São José, compartilhou sua experiência como a única mulher da família a trabalhar na propriedade, ressaltando a necessidade das mulheres pecuaristas de constantemente comprovarem seu valor na gestão da fazenda através do conhecimento e dados.

Outro ponto abordado foi a importância do investimento em tecnologia dentro das propriedades. Embora muitos pecuaristas ainda encarem a tecnologia como um gasto, Nathália Lopes, da PwC, ressalta que os agricultores são mais receptivos a ela. Esse contraste evidencia a necessidade de uma mudança de mentalidade dentro do setor pecuário.

A roda de conversa também destacou a importância das pessoas na pecuária. César Franzon enfatizou que os produtores e produtoras se preocupam mais com o bem-estar das pessoas do que com o dos animais. Katia Lobo, da Ourofino Saúde Animal, acrescentou que as fazendas precisam focar no desenvolvimento profissional de sua equipe, oferecendo não apenas remuneração, mas um pacote de benefícios para agregar valor ao time.

O segundo painel do evento, intitulado “Encontros que Conectam – Mulheres”, explorou a pecuária 5.0, discutindo tecnologias, demandas e tendências mundiais no setor. João Campo, da Central Leilões, conduziu as discussões, que também incluíram temas como sustentabilidade e a necessidade de comunicação do progresso do Brasil no uso de tecnologias pecuárias para o mundo.

No terceiro e último painel do evento, foram discutidas as ferramentas genéticas e reprodutivas na pecuária. Erika Bannwart, do GPB Rosa e pecuarista da Fazenda Engenho, compartilhou sua experiência com o cruzamento industrial e a Inseminação Artificial em Tempo Fixo, destacando a evolução do rebanho com a adoção dessas técnicas.

O encontro concluiu com uma visita à Central GENEX, onde os participantes puderam desfrutar de uma experiência prática, incluindo um desfile de touros de diversas raças. “Não existe raça melhor ou pior para cruzamento. É fundamental avaliar qual o melhor animal de acordo com a matriz, o sistema de produção e o mercado”, afirma Alexandre Zadra, da equipe GENEX.

Ao final do evento, os participantes desfrutaram de um coquetel, com sorteios de brindes e a entrega de prêmios para as mulheres destaque no setor, promovida pela empresa.

O “Encontros que Conectam” não apenas destaca a liderança feminina na pecuária, mas também evidencia o compromisso da GENEX Brasil em impulsionar o setor para novos patamares de excelência e sustentabilidade.

Por Agência Agrovenki

Fonte Genex

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil

Relacionadas

Veja também

São Paulo enfrenta desafios ainda maiores devido aos altos custos para o setor produtivo do leite e por ser o maior mercado consumidor do país.
Para participar é necessário que a família esteja inscrita no Cadastro Único e viva no meio rural, com renda mensal de até R$ 218 por integrante
Reunião para discutir o tema foi realizada na terça (21), em Brasília
Em 2023, a CNI contabilizou 85 entraves às exportações nacionais contra 77 no levantamento do ano anterior