Search
Close this search box.

Empresários rurais brasileiros participam de visitas técnicas em Dubai

1 de março de 2023

Grupo faz parte do projeto Agro.Br, desenvolvido pela CNA em parceria com a Apex-Brasil
Compartilhe no WhatsApp
Empresários rurais brasileiros participam de visitas técnicas em Dubai

Os 14 empresários brasileiros que participam de missão do projeto Agro.BR realizaram, de 20 a 24 de fevereiro, uma série de visitas técnicas e encontros comerciais em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos. O grupo também participa da Gulfood, principal feira de alimentos e bebidas do Oriente Médio.

Nas visitas, o grupo pôde saber mais sobre logística, aspectos gerais do mercado consumidor e características do mundo dos negócios nos Emirados Árabes Unidos. A comitiva é acompanhada pelo responsável pelo escritório da CNA em Dubai, Rafael Gratão, e pela assessora de Relações Internacionais, Rita Padilla.

imagem

Das 14 empresas atendidas pelo Agro.BR, sete são expositoras na Gulfood e destacam a importância da participação nessa relevante feira. “Esse é um mercado que temos muito interesse em atender. Participamos dessa feira desde 2019. No ano seguinte fechamos o nosso primeiro cliente e esse ano estamos fortalecendo as parcerias, encontrando os clientes e abrindo novos negócios”, disse Suany Gomes, da empresa Xingu Fruit, de polpa de açaí orgânico.

imagem

Nesta quinta-feira (23), após uma manhã de muitas reuniões na Gulfood, a comitiva da CNA seguiu para a visita à fazenda vertical VeggiTech. Esta é uma startup de agrotecnologia com mais de 20 anos de experiência e que vem trabalhando na criação de fazendas sustentáveis para superar os desafios de produção de alimentos nos Emirados Árabes Unidos, em meio às condições climáticas extremas locais, com plantações de temperatura, umidade e iluminação controladas.

Segundo Rita, a experiência tem sido muito enriquecedora para os empresários, que também visitaram a Sharjah Airport International Free Zone Authority (SAIF Zone), uma zona franca localizada na cidade de Sharjah, emirado vizinho de Dubai. “Eles aprenderam como abrir um negócio para atender a SAIF, que opera em qualquer um dos sete países dos Emirados Árabes. Viram desde licenças de produção, facilidades de emissão de visto entre outros. São mais de oito mil empresas registradas, de 165 países diferentes”, destacou.

imagem

A delegação reúne empresas interessadas em exportar para os países do Oriente Médio. São produtoras de cafés, cereais matinais, nibs de cacau, achocolatados, goma de mandioca (tapioca), açaí, frutas, sucos, vinhos, chás prontos, molhos e polpas de tomate.

No início da semana, os empresários participaram de encontro com potenciais compradores, jornalistas e convidados estratégicos para a troca de experiências e expectativa de negócios. A comitiva do Agro.BR conheceu também duas redes de supermercado com nichos diferentes – a Organic Foods & Café e a rede Carrefour.

A rede de supermercados familiar, a Organic Foods & Café , tem sete lojas em Dubai. “Essa visita foi sem dúvida, uma das mais interessantes, os produtores puderam comparar os preços praticados no mercado, a questão das embalagens e como os produtos são apresentados nas gôndolas, além de ver de perto o que é tendência por lá. Há um crescimento nos Emirados na busca por produtos com selo orgânicos, uma grande oportunidade para as empresas brasileiras”, afirma Rita.

imagem

Empresários do Agro.BR

Os empresários participantes da missão são atendidos no projeto Agro.Br, uma parceria da CNA com a Apex Brasil, que viabiliza negócios internacionais para aumentar a presença de pequenos e médios produtores rurais no comércio exterior e diversificar a pauta de exportação brasileira.

Em 2022, o Agro.BR atendeu mais de mil empresas, trabalhando em 129 novos mercados, com 116 empresas exportando e 30 novos exportadores. Foram gerados US$ 71 milhões em rodadas de negócios. Os setores prioritários atendidos no projeto são frutas e derivados, cacau, chocolates especiais e derivados, produtos apícolas e derivados, cafés especiais, leite e derivados lácteos, e pescados.

A missão empresarial com os 14 empresários segue até sexta-feira (24) e conta com uma programação que ainda inclui rodadas de negócios com possíveis compradores do Oriente Médio e contato direto com os públicos da Gulfood 2023, que nesta edição tem 5 mil expositores de 120 países.

Por CNA Brasil

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil

Relacionadas

Veja também

Webinar ABAGTALKS Caminhos da bioeconomia para a COP30, promovido nesta segunda-feira, dia 17 de junho, pela ABAG (Associação Brasileira do Agronegócio)
Em um ano: as exportações totalizaram R$ 898,45 bilhões
Criação de canais de atendimento exclusivos e especializados e melhorias na rede elétrica no interior integram série de ações previstas no Cemig Agro.
O saldo alcançou US$9,42 bilhões, aumento de 14,2% em comparação ao mesmo período do ano anterior