Search
Close this search box.

China segue tímida nas negociações para compra de carne bovina brasileira

30 de maio de 2023

Expectativa é de que, caso tratativas com o gigante asiático melhorem, preço da arroba possa atingir a casa dos R$ 280,00, diz especialista
Compartilhe no WhatsApp
China segue tímida nas negociações para compra de carne bovina brasileira

Esta semana de negociações para o mercado do boi inicia esta segunda-feira (29) de forma volátil, segundo a consultora em gerenciamento de risco da StoneX, Marianne Tufani. De acordo com ela, o dia teve início com as cotações do mercado futuro do boi tentando subir, mas sem notícias otimistas que dessem suporte.

“As cotações seguem com pressão de baixa, devido à oferta de animais e também à demanda mais fraca, com a China tímida nas compras da carne bovina brasileira”, explicou.

A especialista comenta que houve especulações a respeito dos estoques de carne bovina que aguardam para entrar na China, formados durante o período do auto-embargo brasileiro durante as investigações do caso de vaca-louca atípico ocorrido em fevereiro deste ano. “Especulou-se que essa carne estava sendo internalizada pela China, mas o fato é que ainda há um volume considerável de produto que segue parado”, afirmou.

Outro ponto de pessimismo que é observado pelo mercado é a questão da presença do vírus da influenza aviária de alta patogenicidade no Brasil, somando até o momento 10 casos em aves silvestres. “Não há registros de casos em granjas comerciais, mas o mercado já olha essa hipótese, somada à possibilidade de embargo à carne de frango exportada pelo Brasil. Isso causaria uma oferta maior de carne no Brasil, puxando para baixo o preço das carnes concorrentes”, afirmou.

Por Notícias Agrícolas

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil
 

Relacionadas

Veja também

Gravada e publicada em parceria com o Chef de cozinha Jimmy Ogro, a série que desmistifica a suinocultura a carne suína já soma quase 120 mil visualizações no Instagram
Uma jornada de imersão na pecuária de confinamento americana revela práticas inovadoras e abre novas perspectivas para o agronegócio brasileiro
A feira contou com 1500 animais de 160 expositores das raças Girolando, Gir Leiteiro, Holandês, Guzerá, Guzolando, Jersey, Simental e Búfalos
Confinamento alcança 7,379 milhões de cabeças e destaca a importância da tecnologia e gestão para aumentar a produtividade no setor