Search
Close this search box.

Brasil abre mercado para o agronegócio com a Índia

6 de novembro de 2023

O governo brasileiro concluiu sua missão oficial na Índia, celebrando a conquista da abertura de mercado para produtos do setor agropecuário.
Compartilhe no WhatsApp
O governo brasileiro concluiu sua missão oficial na Índia, celebrando a conquista da abertura de mercado para produtos do setor agropecuário.

Em comunicado divulgado no sábado, o Ministro da Agricultura e Pecuária, Carlos Fávaro, destacou o êxito das negociações com os indianos, descrevendo-as como diversas e favoráveis.

“Fomos bem-sucedidos na abertura do mercado para o avocado e, no âmbito da fruticultura, finalizamos o processo de acesso ao mercado indiano para cítricos, incluindo limão-taiti, limão siciliano, lima ácida e tangerina.

Além disso, assinamos um memorando de entendimento para expandir as oportunidades de exportação de soja, possibilitando a venda de suplementos alimentares para a cadeia de produção de leite na Índia”, declarou o Ministro. Também foi firmado um acordo visando ao aprimoramento genético da pecuária leiteira de ambos os países.

Brasil na Índia

O Brasil, que durante décadas buscou a colaboração da Índia para a melhoria genética do seu rebanho zebuíno, agora poderá retribuir essa contribuição por meio da cooperação técnica no aprimoramento genético da raça Girolando, conforme informou o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

A comitiva brasileira também participou de eventos nos quais foram assinados memorandos de entendimento entre instituições dos dois países, com o objetivo de fortalecer a cooperação e impulsionar o desenvolvimento do comércio bilateral.

Carlos Fávaro ainda se encontrou com o Ministro da Agência de Segurança e Padrões Alimentares da Índia, Kamala V Rao. Durante a reunião, foram discutidas questões relacionadas à autorização para importação de produtos de açaí brasileiro, incluindo polpa e açaí liofilizado. Recentemente, o mercado indiano foi aberto para a exportação de refrescos brasileiros.

Por: Pensar Agro

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil

Relacionadas

Veja também

A produção brasileira de sêmen bovino (raças de corte e de leite) em 2023 foi de 19,431 milhões de doses, recuo de 22% ante os 24,757 milhões de doses do ano de 2022.
Uma recente diretiva da Organização Mundial da Saúde (OMS), publicado em dezembro de 2023, além das fórmulas infantis, permite o consumo de leite de vacas pasteurizado por bebês a partir dos seis meses de idade
O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT) é parceiro da 8ª edição do Farm Show, que acontece entre os dias 12 a 15 de março, das 8h às 20h, no Parque de exposições de Primavera do Leste.
Reunião dos Presidentes das Câmaras Setoriais do SAA destaca progressos e pioneirismos, com ênfase na atuação da Associação Grupo Pecuária Brasil e anúncio de novidades pelo Secretário de Agricultura do Estado.