Search
Close this search box.

Brasil abre dois novos mercados para o agronegócio

29 de agosto de 2023

Em 2023, as exportações de pescado do Brasil aumentaram 15% em faturamento, chegando a US$ 23,8 milhões ao longo do ano passado
Compartilhe no WhatsApp
Brasil abre dois novos mercados para o agronegócio

O governo do Brasil recebeu com satisfação a notícia da abertura de dois novos mercados para o agronegócio, com o início da exportação de pescados para o arquipélago de Nova Caledônia e de material genético suíno ao Uruguai.

A Nova Caledônia é território francês que abrange dezenas de ilhas no sul do Oceano Pacífico. Encontra-se a mais de 14 mil quilômetros do Brasil, o que demonstra a competitividade e a confiabilidade do setor produtivo brasileiro, reconhecidas em mais de 150 países e territórios.

No caso do Uruguai, tradicional parceiro comercial e sócio do Mercosul, o material genético brasileiro contribuirá para a qualidade do rebanho suíno.

No ano passado, as exportações de pescado do Brasil aumentaram 15% em faturamento, chegando a US$ 23,8 milhões. A exportação de material genético suíno pelo Brasil, por outro lado, acontece pela primeira vez, mas apresenta perspectiva de crescimento.

Assim, o resultado é fruto do trabalho conjunto do Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa) e do Ministério das Relações Exteriores (MRE).

Por Money Times

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil 

Relacionadas

Veja também

Webinar ABAGTALKS Caminhos da bioeconomia para a COP30, promovido nesta segunda-feira, dia 17 de junho, pela ABAG (Associação Brasileira do Agronegócio)
Em um ano: as exportações totalizaram R$ 898,45 bilhões
Criação de canais de atendimento exclusivos e especializados e melhorias na rede elétrica no interior integram série de ações previstas no Cemig Agro.
O saldo alcançou US$9,42 bilhões, aumento de 14,2% em comparação ao mesmo período do ano anterior