Search
Close this search box.

Brasil abre dois novos mercados para o agronegócio

29 de agosto de 2023

Em 2023, as exportações de pescado do Brasil aumentaram 15% em faturamento, chegando a US$ 23,8 milhões ao longo do ano passado
Compartilhe no WhatsApp
Brasil abre dois novos mercados para o agronegócio

O governo do Brasil recebeu com satisfação a notícia da abertura de dois novos mercados para o agronegócio, com o início da exportação de pescados para o arquipélago de Nova Caledônia e de material genético suíno ao Uruguai.

A Nova Caledônia é território francês que abrange dezenas de ilhas no sul do Oceano Pacífico. Encontra-se a mais de 14 mil quilômetros do Brasil, o que demonstra a competitividade e a confiabilidade do setor produtivo brasileiro, reconhecidas em mais de 150 países e territórios.

No caso do Uruguai, tradicional parceiro comercial e sócio do Mercosul, o material genético brasileiro contribuirá para a qualidade do rebanho suíno.

No ano passado, as exportações de pescado do Brasil aumentaram 15% em faturamento, chegando a US$ 23,8 milhões. A exportação de material genético suíno pelo Brasil, por outro lado, acontece pela primeira vez, mas apresenta perspectiva de crescimento.

Assim, o resultado é fruto do trabalho conjunto do Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa) e do Ministério das Relações Exteriores (MRE).

Por Money Times

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil 

Relacionadas

Veja também

Em 2022, quando a Guerra na Ucrânia começou, houve um salto de 188% nas exportações de fertilizantes de Israel ao Brasil
Para Arnaldo Jardim, tendência é a ampliação das possibilidades do produto
Esse fenômeno tem gerado impactos positivos no desenvolvimento de municípios do Piauí que, anteriormente, apresentavam indicadores econômicos mais modestos, transformando suas realidades.
Ambiente de negócios aponta para encurtamento das escalas de abate, o que pode levar ao maior apetite de compra