Produtores de borracha natural podem aderir ao sistema de produção integrada

O sistema de produção integrada é uma antiga demanda dos produtores de borracha natural, em discussão há cerca de quatro anos
Share on whatsapp
Compartilhe no WhatsApp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on email
Share on telegram
Áudio

As normas técnicas para a produção integrada da borracha natural foram publicadas na Instrução Normativa nº 6 na edição de 28/04 do Diário Oficial da União. O normativo entra em vigor no dia 1º de junho.  

 A produção integrada tem como estrutura básica boas práticas agrícolas para a adequação dos processos produtivos e obtenção de produtos vegetais e de origem vegetal de qualidade. Esse sistema favorece o uso de recursos naturais e a substituição de insumos poluentes, garantindo uma produção agrícola sustentável, economicamente viável e socialmente justa, além de permitir a rastreabilidade do produto.  

O coordenador-geral de Sistemas Integrados de Produção Agrícola do Departamento de Cadeias Produtivas do Mapa, Marcus Vinícius Martins, comenta que o sistema de produção integrada é uma antiga demanda dos produtores de borracha natural, em discussão há cerca de quatro anos.  

Mapa: “Ao aderir ao sistema de produção integrada da borracha natural, o produtor nacional agrega ainda mais valor ao seu produto, garantindo um espaço diferenciado de mercado”

Para o presidente da Câmara Setorial da Borracha do Mapa, Antônio Carlos Gerin, em mercados cada vez mais exigentes, esses critérios são diferenciais e permitem ao produtor de borracha natural maior competitividade internacionalmente. “A borracha brasileira compete com produtos importados e, muitas vezes, os produtores não conseguem comprovar que vieram de uma cadeia sustentável baseada em boas práticas. Ao aderir ao sistema de produção integrada, o produtor nacional agrega ainda mais valor ao seu produto, garantindo um espaço diferenciado de mercado”.  

A adesão à produção integrada é voluntária e o produtor que seguir as normas técnicas passa por avaliação para obter o selo “Brasil Certificado”, concedido por uma entidade credenciada pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).  

Produção Integrada

A Produção Integrada começou no Brasil com o Marco Legal da Produção Integrada de Frutas (PIF), em 2001. Atualmente, a Produção Integrada é válida para todas as cadeias do agronegócio, ficando a cargo dos colegiados específicos a apresentação de propostas de normas para cada cultura.  

Fonte: Mapa
Crédito da foto: Divulgação/Canva

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil

  

Relacionadas

Veja também

A agroindústria constitui importante alternativa na geração de empregos, sucessão familiar e renda no meio rural. Para incrementar os negócios há programas efetivos
O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) recebe até o dia 24 de janeiro as inscrições para a seleção dos cursos técnicos gratuitos e a distância em Agronegócio, Fruticultura e Zootecnia
A Faculdade CNA está com inscrições abertas até o dia 23 de fevereiro para o vestibular de quatro graduações a distância
Estratégia que garante perenidade está presente nos principais países produtores. Trata-se de subvenção e mecanismo de gestão de riscos que o Brasil não pode prescindir