Boi – Novo relatório do Rabobank

Análise concisa do grupo de agro financiamentos Rabobank mostra o cenário do bovino de corte em março
Share on whatsapp
Compartilhe no WhatsApp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on email
Share on telegram
Áudio

De acordo com informações divulgadas pelo novo relatório do Rabobank, a oferta de animais para abate ainda está abaixo da demanda, que nessa época do ano é considera menor. Com as escalas de abate ainda mais curtas que o mesmo período do ano anterior, e por conta do ciclo pecuário, os frigoríficos têm sido pressionados a ofertar preços melhores para atender seus compromissos. Resultado disso é um movimento de valorização atípico no preço do boi gordo, que já ultrapassou o recorde alcançado no último mês de novembro.

Entre fev./20 a fev./21, os preços do boi gordo, bezerro e ração sofreram forte aumento de 53%, 61% e 112%, respectivamente. Já as cotações do traseiro bovino no atacado tiveram valorização menor, de 45%, reflexo da queda do poder de compra da população que não permitiu aumentos maiores.

A volta dos embarques para a China após as festividades do Ano Novo, motivadas pela desvalorização do real, e a baixa liquidez no mercado interno tem feito os preços do Boi-China atingirem diferenças de até R$ 20/@ com relação ao indicador do Cepea. A recente confirmação do novo auxílio emergencial e a redução do ICMS para as empresas do Simples Nacional em São Paulo podem ajudar no consumo doméstico.

De acordo com a Secex, as exportações fecharam 2020 com novo recorde e aumento de 9% no volume e de 12% nas vendas. Sendo a China o maior importador e representando 43% do total exportado, seguida por Hong Kong e Egito. Mesmo com a elevação de 30% nas vendas para a China, nos dois primeiros meses deste ano houve redução de 6% nos embarques, devido à queda de 32% nas exportações para o Egito e 30% para Hong Kong, que devido à pandemia tem limitado a triangulação desses produtos para a China.

Nas próximas semanas as chuvas devem dar espaço para um clima mais seco, o que tende a elevar a oferta de animais e pode trazer um cenário de pressão nos preços do boi gordo. Vale lembrar que a recuperação sazonal da demanda doméstica também está condicionada a celeridade da campanha de vacinação, não só por conta do serviço de food service, mas também da retomada econômica e do poder de compra do consumidor com a redução das medidas de isolamento social.

Pontos de Atenção:

– Movimento de forte valorização nos preços futuros do boi gordo traz oportunidades para o mercado de derivativos e melhora as margens do confinamento para o 2°semestre.

– Aumento dos embarques de carne bovina e de grãos nas últimas semanas já impactam na disponibilidade e preços do frete marítimo. Movimento deve se intensificar ainda mais no curto prazo.

Fonte: Rabobank

Relacionadas

Veja também

Canchim, a raça sintética proveniente do Charolês (francês) e do Nelore (brasileiro) integra banco de dados do Promebo.
Já no parto, o coto umbilical precisa cicatrizar de forma correta para evitar problemas futuros aos animais e prejuízos ao pecuarista.
Em tempos onde o preço da produção do leite sobe menos que os custos, nutrição de qualidade e assistência técnica ajudam a manter alta produtividade
Entre tantas,mais uma pesquisa comprova que ingerir mais “ouro branco”, a gordura láctea, oferece menor risco de doenças cardíacas.