App Doutor Milho, quando a tecnologia já fazia história

Aplicativo lançado pela Embrapa em 2007 já contribuía como importante ferramenta no manejo eficiente e sustentável
Share on whatsapp
Compartilhe no WhatsApp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on email
Share on telegram
Áudio

Interessante conferir como a tecnologia, que sempre vem acoplada à ideia de inovação, vem facilitando a vida do agricultor, conferindo menos tempo e maior produtividade. O uso de aplicativos na mecanização e automação no Agro, especialmente nas lavouras, já tem um histórico tech, como foi marcado no lançamento pela Embrapa, no Show Rural Coopavel, primeiro evento de tecnologia agrícola de 2017.   

Estamos falando do ‘App Doutor Milho’, uma ferramenta tecnológica capaz de auxiliar no acompanhamento do ciclo da planta de milho, em cada um dos seus estádios fenológicos, visando um manejo eficiente e sustentável das lavouras. App gratuito disponível para os sistemas Android e iOS – o primeiro App da Embrapa na Apple Store. 

O aplicativo começou a ser desenvolvido por uma equipe da Embrapa Milho e Sorgo (Sete Lagoas-MG) em abril de 2015, quando uma pesquisa de mercado foi realizada diante de diversas demandas candidatas. A necessidade de se identificar a etapa correta de desenvolvimento de uma planta de milho para apontar a adoção de estratégias inteligentes de manejo foi o que motivou seu o desenvolvimento. 

E a Embrapa divulgava a nova ferramenta: App Doutor Milho

O ‘Doutor Milho’ é capaz de orientar o acompanhamento das lavouras e chamar a atenção para práticas agronômicas importantes, que podem conferir maior produtividade e renda. O funcionamento do aplicativo é bastante simples. Para conhecer as práticas mais importantes a serem adotadas, o usuário deve identificar corretamente o estádio fenológico em que sua lavoura se encontra. A partir daí, são descritas as recomendações para cada fase de desenvolvimento da planta, orientando o processo de tomada de decisão. 

A equipe desenvolvedora buscou a simplicidade no processo de funcionamento do aplicativo, além da necessidade de quem está no campo. Por isso, o ‘Doutor Milho’ funciona no modo off-line, sendo que a referência que deve ser seguida é a data de emergência das plantas. São apenas quatro passos que devem ser seguidos: cadastrar o talhão da lavoura; verificar o estádio correto da planta; confirmar o estádio correto; e obter as práticas recomendadas de manejo. 

Fonte: Embrapa 
Crédito da foto: Reprodução/Semagro MS

Leia outras notícias no portal Mundo Agro Brasil

 

 

 

Relacionadas

Veja também

Intitulado de SONDA, a nova solução da empresa combate as principais plantas daninhas que afetam a produtividade na lavoura
Esse prêmio é um dos mais prestigiosos do mundo para o assunto de proteção de cultivos, das safras e também de agricultura digital
Câmara Temática de Insumos debate demora no registro de inovações tecnológicas
O agronegócio potencializa o crescimento da economia brasileira, e a tecnologia é decisiva para o desempenho do setor. Entenda porque no artigo!